sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Veneno - Mia Sheridan

Título: Veneno
Autora: Mia Sheridan
Editora: Arqueiro
Paginas: 352

Veneno é o quarto livro da série Signos do amor da Mia Sheridan, e ele se baseia no signo de Escorpião. A trama inicialmente começa de forma bem clichê, duas pessoas desconhecidas que se esbarram em Las Vegas e vivem um fim de semana intenso. Grace, estudante de direito, extremamente certinha, que tem tudo planejado em sua vida e nem sequer sonha em desviar da sua forma segura de viver. Carson, um ator pornô que está de passagem por Vegas, para uma convenção de filmes adultos.

A antipatia é imediata, mas após ficarem presos no elevador por mais de 2 horas, a antipatia vira uma forte atração. Depois de algumas confidencias trocadas, Carson faz uma proposta a Grace, para que eles passem o final de semana juntos e aproveitem cada momento. Mesmo contrariando o que ela sempre acreditou, Grace decide aceitar. E então os dois vivem momentos intensos e inesquecíveis.

Carson era como um imã, que a atraía e a fazia perder todo o controle. Fazia coisas que não podia nem mesmo acreditar, era como um vulcão em erupção. A atração é tão repentina e inacreditável que o ciúme logo aparece e antes que as coisas se compliquem ainda mais, Grace resolve ir embora antes do previsto, decidida a retornar sua vida, de onde nunca deveria ter se desviado.
Carson, inconformado por ter sido dispensado pela única mulher que havia abalado suas estruturas, decide mudar sua vida completamente. É hora de deixar o passado para trás e começar de novo. Novos rumos, novas perspectivas.

Alguns anos se passam, e ao acaso de destino, um dia se reencontram. Após tanto tempo longe, suas vidas tomaram rumos diferentes, mas a atração voltou com força total e não parecia querer ir embora. Mas nada é tão fácil agora, Grace está noiva e diante disso eles precisam tomar decisões que podem afetar suas vidas de muitas formas.

A trama é completa. Romance com cenas deliciosamente eróticas, suspense e uma boa pitada de mistério. A narrativa é intercalada entre os dois personagens, e dessa forma podemos acompanhar o crescimento do sentimento entre os dois e ter uma visão mais ampla da história.

E mais uma vez, Mia Sheridan me prendeu em mais um livro de tirar o folego.

Leitura recomendadíssima!


quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Sr. Daniels - Brittainy C. Cherry

Título: Sr. Daniels
Autora: Brittainy C. Cherry
Editora: Record
Paginas: 322



Após perder sua irmã, Ashlyn, está sofrendo e se sente como se a vida não tivesse mais nenhum sentido. Além de gêmeas, as duas eram amigas inseparáveis, uma completava a outra. E então, o destino as separou cruelmente, e a relação com a sua mãe que nunca foi muito boa, desandou de vez. Um muro gigante se ergue entre as duas, e sua mãe decide mandá-la a passar um tempo junto com seu pai, com quem nunca teve nenhum laço familiar. Seus pais eram separados, e sua relação com ele, se resumia a cartões de aniversario, uma vez ao ano…isso quando ele lembrava.

Muito abalada com a morte da irmã, e com a mudança repentina, ela não consegue fazer mais nada além de chorar. Seu coração está despedaçado e não aguenta mais tanta tristeza. No trem, quando está viajando para a casa do pai, ela conhece um rapaz que mexe demais com ela, lindos olhos azuis que parecem carregar o mundo nas costas. Ele também parece sofrer em silencio. E surge uma conexão entre eles, uma afinidade estranha e desconhecida, que a encanta desde a primeira troca de olhares. Ele era Daniel Daniels.

Quando chegam na cidade, cada um segue seu caminho. Ashlyn vai para a casa do pai, e conforme os dias passam, tudo que parecia ser ruim, se torna ainda pior. Henry, como ela chama seu pai, pela falta de intimidade, não sabe como agir com ela, sua madrasta tenta demonstrar ser a mulher perfeita. Enfim, ela encontra um pouco de afinidade, nos seus dois novos irmãos Hailey e Ryan, e com o passar do tempo desenvolve uma enorme afeição pelos dois.

Passados alguns dias, Ashlyn vai a um bar da cidade, para ver a banda Romeo’s Quest, a qual Daniel era o vocalista. As músicas da banda são todas baseadas em obras de Shakespeare, e a paixão pelo grande autor, é só mais uma das coisas que os unem. Ashlyn e Daniel, vivem cada um, o seu inferno interior, e juntos se apoiam e se completam. Os dois são perfeitamente perfeitos juntos.

Como desgraça pouca é bobagem, seu pai é o diretor da escola, e logo no primeiro dia de aula, descobre que Daniel, é o Sr Daniels, seu professor de inglês. Agora, ela precisa aprender a lidar com esse novo sentimento que sente pelo seu professor, aliado com a ausência da irmã. Os dois não podem aparecer juntos e nem divulgar seu romance para ninguém. A ética também estava no caminho dos dois.

O livro todo é uma forte enxurrada de drama e conflitos internos. Perdas, superação, amor, perdão.

Sua irmã, Gabby, deixa várias cartas pra Ashlyn, onde ela só pode abrir após cumprir cada tarefa, que ela indicou em uma lista. Parece um pouco mórbido, mas garanto que foi um diferencial no livro. Muitas atitudes da personagem, foram feitas para cumprir a lista, e isso foi decisivo no desfecho da história. 

O amor entre os personagens, é intenso e puro desde o início. Eu amei a interação entre os dois, a forma como a história foi construída ao decorrer dos capítulos, e também tem os personagens secundários, que tem um papel muito importante, especialmente Ryan, que esconde sua opção sexual da mãe, pois ela é extremamente religiosa e jamais aceitaria. 

A autora explora sentimentos profundos, portanto o livro é indicado para corações fortes. Prepare os lenços, que as emoções são intensas, e o choro é livre rs.





segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

A irmã da Sombra - Série As Sete Irmãs - Lucinda Riley




Título: A irmã da Sombra - Série as Sete Irmãs
Autora: Lucinda Riley
Editora: Arqueiro
Paginas: 512

Sabe quando você lê um livro que pertence a uma série, e esse livro é ótimo, ai você pensa que dificilmente o próximo vai ser melhor? Pois é eu pensei isso quando Li o 1º livro da série As Sete irmãs (A história de Maia), ai comecei a ler o 2º A Irmã da Tempestade (A historia de Ally), então pensei é o limite, dificilmente a Irmã da Sombra será melhor, mas eu me enganei Lucinda se superou, e eu que comecei um livro com um tremendo preconceito com relação a personagem acabei me rendendo e amando muito Estrela ou Astérope.

Bom quem já leu os primeiros livros sabe sobre do que a série trata, alias se você for ler a serie eu aconselho a ler os livros em ordem, pois apesar de ser cada um de personagens diferentes algumas historias se encontram e consequentemente você ficara perdida, mas vamos la dar um resumo dos acontecimentos até o começo da historia da Estrela.

Pa Salt adotou a 6 meninas e nelas colocou o nome de estrelas da constelação das Sete Irmãs as chamadas Plêiades, após sua morte ele deixou coordenadas e algumas pistas sobre a historia de origem de cada Irmã e após isso cada uma segue seu caminho.
“Cultive não apenas o esplêndido jardim que criamos juntos, mas talvez o seu próprio, em outro lugar. E, mais do que tudo, cultive a si mesma. E siga sua própria estrela. Chegou a hora.”

No terceiro livro conhecemos Estrela, nos 2 primeiros poucas vezes ela apareceu, sempre calada, escondida atrás da sua irmã Ceci, (Gente pelo amor dos meus filhinhos que garota chata essa Ceci da vontade de falar pra Ela “Se poupe, Nos Poupe”) enfim eu fiquei bem apreensiva com o livro dela, achei que ela seria aquela garota sem Sal, com medo de tudo e que fica se fazendo de donzela em apuros, mas como me enganei, Estrela é extremamente observadora, e após a Morte de seu pai começa a ver que precisa tomar um atitude e buscar um rumo para sua vida, buscar sua felicidade e independência e acaba descobrindo que tem uma ligação com uma jovem que viveu a mais de 100 anos chamada Flora MacNichol que como ela era também de certa forma vivia nas sombras.

Neste livro somos levados para o ano de 1909 para a Inglaterra que lemos nos romances de época, onde as moças ao completar idade para se casar são levadas para a corte e apresentas para o rei e a rainha e consequentemente para a sociedade com o intuito de acharem maridos( romances esses que eu simplesmente amo), porém Flora não foi apresentada pois segundo seus pais não tinham condições financeiras para isso, mas logo depois sua Irma mais nova Aurelia com a ajuda de uma madrinha foi levada e apresentada a corte. Após isso ambas conhecem o jovem Archie, Lorde Vaughan e acho que nem preciso dizer a vocês o que acontece não é?

“Mas com certeza a busca do amor é muitas vezes egoísta. Eu pensei... Eu tive a impressão de que você correspondia aos meus sentimentos.”
Com a ajuda de Orlando que é dono de uma livraria de livros raros Estrela acaba vendo suas semelhanças com Flora, conhece a Família maluca de Orlando e consequentemente o irmão triste e mal humorado Mouse(é apelido viu gente, seu nome real digamos é coisa do destino)
“Olhei em volta, adorando aquilo. Algumas mulheres talvez sentissem o mesmo ao encontrar uma loja cheia de roupas estilosas. Para mim, aquele recinto era um nirvana do mesmo calibre.”
Esse livro nos mostra duas personagens fortes, que amam intensamente e que por esse amor é capaz de abdicar de muitas coisas e até mesmo aceitar uma vida solitária para que as pessoas que amam sejam felizes, o Livro é simplesmente lindo com a mesmo dinâmica de alternar presente e passado eu simplesmente até agora não sei qual das duas personagens principais amei mais, só posso dizer que está série vale muito a pena ler e para as que se decidirem e se aventurar no mundo das Sete irmãs tenho certeza que não irão se arrepender.
“Posso? O amor nunca está errado, querida. A única coisa que pode estar errada é o momento. E desta vez o momento é perfeito”
PS: 1- Pa Salt é uma mistério para mim, sua morte ou não morte, enfim ta ai um mistério que provavelmente será solucionado só no ultimo livro, afinal quem é realmente Pa Salt?
2- O próximo livro é sobre Ceci, eu espero que como a Estrela ela me conquiste, pois nesse livro ela me deu nos nervos, porém com o talento de Lucinda tenho certeza que não será difícil eu amar Ceci também.